• Conselheiros do Cruzeiro pedem agilidade ao Ministério Público
  • Iniciado por Afonso
0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.
  • Afonso
  • Treinador
  • *****

    • 846

    • Masculino
    • Outubro 26, 2019, 23:09:36
    • São Paulo
  • mais
Conselheiros e alguns torcedores do Cruzeiro manifestaram, no início da tarde desta quarta-feira, em frente à sede do Ministério Público de Minas Gerais, na Avenida Álvares Cabral, em Belo Horizonte. De acordo com Giovanni Baroni, conselheiro nato do Cruzeiro, o objetivo do protesto foi pedir o adiantamento das investigações das denúncias de falsidade ideológica, lavagem de dinheiro e pagamentos suspeitos levantadas pelo programa Fantástico, da TV Globo.

- Esse protesto é feito, basicamente, por alguns conselheiros do Cruzeiro junto com associados. Nosso objetivo é pedir que o Ministério Público adiante as investigações, porque já tem quatro meses que foram feitas as denúncias. A gente sabe que o prazo dentro do Ministério Público e da Polícia Civil é maior, mas o Cruzeiro não aguenta mais isso, essa sangria que tá acontecendo toda, esse descaso com o Cruzeiro. Nós estamos preocupados com o Cruzeiro, com o time - disse Giovanni Baroni, conselheiro nato do clube.

Carregando faixas, os conselheiros e associados do clube pediram a prisão dos criminosos.

"Ministério Público: confiamos em vocês. Não deixem o Cruzeiro acabar! MP, prendam esses criminosos. Não deixem o Cruzeiro acabar", foram pedidos escritos nas faixas.

- O Cruzeiro é um patrimônio público. Uma entidade que tem fins sociais e é importante que o Ministério Público investigue as corrupções que estão acontecendo dentro do Cruzeiro, se estão realmente acontecendo. A gente, que é conselheiro, tá sendo sempre o último a saber dessas coisas. O que a gente tá querendo é transparência, é pró-Cruzeiro transparente. Esse é o nosso manifesto, concluiu Giovanni Baroni.

A assessoria de imprensa do Ministério Público não comentou especificamente sobre o protesto realizado nesta quarta-feira. Informou que há um procedimento investigatório criminal em andamento para apurar possíveis ilícitos praticados por gestores do Cruzeiro. Além disso, afirmou que o Ministério Público de Minas Gerais segue acompanhando as diligências realizadas pela Polícia Civil.

Procurado pelo GloboEsporte.com, o Cruzeiro não havia se manifestado até a publicação desta reportagem.

https://globoesporte.globo.com/futebol/times/cruzeiro/noticia/conselheiros-do-cruzeiro-pedem-agilidade-ao-ministerio-publico-em-investigacao-contra-diretoria.ghtml


  • Gosto    Nao Gosto    Supreendido    Medo    Triste    Sorriso    Terror    Piscar    Desconfio    Lágrimas